25 /09 – Domingo –Budapest e embarque no Maria Theresa

Posted on Posted in Artigos, Experiências - Viagens e Passeios

Pela manhã caminhamos até a Sinagoga, a maior da Europa, com capacidade para acolher mais de três mil pessoas e guarda impressionantes histórias. Ela foi construída ao lado da casa onde nasceu o jornalista e fundador do Sionismo moderno, Theodore Herzl.

Com o objetivo de aproximar as pessoas do judaísmo, essa Sinagoga foi construída espelhando-se numa catedral. Há até um órgão dentro dela. Do lado de fora, há um monumento aos mortos no Holocausto e a Árvore da Vida – em suas folhas estão os nomes dos que ajudaram os judeus na época do nazismo.

De lá pegamos nossas bagagens para conhecer o Maria Theresa, navio que nos colocou nessa aventura deliciosa.

E lá estava ele, realmente lindo. Na chegada todos os hóspedes são convidados a ocupar o bar enquanto as cabines são organizadas. Há a apresentação da equipe, do comandante Tom, do Chef Martin, da gerente do Cruzeiro Heidicha e da gerente de hospedagem Marina. Nessa viagem estava a Diretora da Companhia, que também se apresentou.

Fomos conhecer as nossas acomodações. A cabine não é grande, mas incrivelmente bem arrumada e projetada para lhe dar todo conforto. Em pouco tempo consegui organizar no armário todas as nossas roupas, sapatos e acessórios. No banheiro, acomodamos todas as nossas coisas. As malas vazias foram para debaixo da cama. Prático e muito bem organizado.

Depois tivemos um jantar e um brinde no deck. O navio estava zarpando, indo para um ponto central de Budapeste.

Emocionante olhar a cidade com seus prédios lindos e iluminados, suas pontes, seus monumentos…. ao som de Mozart, com champagne e curaçau. Inesquecível.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *